“Excelente nome”, diz chanceler sobre Eduardo para embaixada dos EUA

Presidente Jair Bolsonaro afirmou que pretende indicar o filho caso ele aceite ocupar a função em Washington

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 11/07/2019 19:56

Em transmissão ao vivo na noite desta quinta-feira (11/07/2019), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) perguntou a opinião do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, sobre a possibilidade de indicação do filho Eduardo Bolsonaro, atualmente deputado federal, para a Embaixada do Brasil nos Estados Unidos. O chanceler brasileiro respondeu que é um “excelente nome”.

O cargo está vago desde abril, quando o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, removeu o diplomata Sérgio Amaral do posto.

Pouco antes da live no Facebook, Bolsonaro afirmou à imprensa, na saída do evento de posse do novo diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), que a indicação dependia da vontade de Eduardo.

“É uma coisa que está no meu radar, sim. Existe essa possibilidade. Ele é amigo do filho do Trump. Fala inglês, espanhol, tem uma vivência muito grande de mundo. Poderia ser uma pessoa adequada, daria conta do recado perfeitamente em Washington”, disse o presidente.

O parlamentar disse que o convite não foi oficializado, mas indicou que não descarta a ida para os EUA. “A missão que o presidente Bolsonaro der para mim certamente vou desempenhar da melhor maneira. Não tem nada formal, nada oficial. O presidente falou, está falado, mas não chegou nada oficial”, disse o deputado em coletiva Câmara.

Últimas notícias