“A Constituição na mão e o senso de patriotismo no coração”, diz Aras

Indicado à PGR diz que essa é a mensagem que quer passar aos senadores durante as visitas de cortesia quem tem feito antes da sabatina

Marcos Brandão/Agência SenadoMarcos Brandão/Agência Senado

atualizado 13/09/2019 17:00

Em frequentes visitas a senadores, o subprocurador Augusto Aras, indicado à Procuradoria Geral da República pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), disse nesta sexta-feira (13/09/2019) que vai manter a “Constituição na mão e o senso de patriotismo no coração”.

Aras disse que essa é a mensagem que quer passar aos congressistas durante as visitas de cortesia quem tem feito antes da sabatina a que será submetido na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa.

Segundo o subprocurador, ele tem sido bem recebido pelos senadores, que, segundo ele, “são muito generosos em escutar as apresentações” sobre o Ministério Público.

Relatório favorável
O relator da indicação, senador Eduardo Braga (MDB-AM), afirmou que vai protocolar, na próxima semana, o parecer da nomeação no colegiado. O texto deverá ser técnico, mas favorável à indicação, informou Braga.

Aras será sabatinado pela CCJ, que deverá votar a indicação. Depois disso, o nome dele será analisado no plenário do Senado Federal, o que deve ocorrer na semana do dia 22 de setembro, disse o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Últimas notícias