Rebelião em presídio deixa 8 carcereiros feridos e um preso morto

Depois da confusão, familiares de detentos foram à porta da unidade buscar informações sobre a identificação das vítimas

Reprodução

atualizado 26/11/2019 18:30

Oito agentes penitenciários feridos, um preso morto e outro gravemente ferido. Este é o saldo, até o momento, de uma rebelião registrada nesta terça-feira (26/11/2019) na Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas (TO). As informações são do G1.

De acordo com a Secretaria de Cidadania e Justiça (Seciju) do estado, que administra os presídios, os detentos arremessaram cadeados e pedaços de concreto nos agentes.

A rebelião ocorreu no pavilhão B e começou por volta das 10h. Segundo a Seciju, os agentes penitenciários foram ao local após suspeitarem que um detento havia sido morto. Os presos teriam começado um motim quando eles entraram no pavilhão.

Os detentos fizeram barricadas de colchões e arremessaram vários objetos contra os funcionários. Oito foram atingidos e sofreram lesões. O Grupo de Intervenção Rápida foi chamado para auxiliar na contenção e os amotinados se acalmaram, mas teriam começado um novo tumulto ao chegar na área do banho de sol.

Visitas interrompidas
A morte de um detento do pavilhão B foi confirmada e o corpo dele foi levado ao Instituto Médico Legal (IML). Um outro preso teve ferimentos graves e foi encaminhado ao Hospital Geral de Palmas pelo Samu.

Duas pessoas que aguardavam o momento de fazer uma visita foram impedidas de entrar no presídio durante a manhã. Elas disseram que ouviram barulho de tiros. A Seciju não quis comentar sobre os disparos e nem como o detento foi morto.

Depois da confusão, familiares de detentos foram à porta da unidade buscar informações sobre a identificação das vítimas. Há grande movimentação de viaturas no local.

Motim Controlado
De acordo com a Secretaria, “o motim foi controlado e, no momento, a Casa de Prisão Provisória de Palmas está sob controle. A Polícia Civil e a Perícia foram acionadas e já se encontram no estabelecimento penal dando encaminhando aos trâmites operacionais”.

Últimas notícias