Professor é denunciado suspeito de estuprar quatro alunas em SC

Vítimas tinham entre 10 e 12 anos à época dos crimes. MP informou que professor teria se aproveitado da autoridade para cometer os atos

atualizado 31/03/2021 14:43

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) informou ter ingressado com uma ação penal contra um professor acusado de estuprar quatro alunas menores de idade. O caso foi revelado pelo site NSC Total, parceiro do Metrópoles. Os abusos teriam acontecido em 2019.

A denúncia foi apresentada pela Comarca de Itapoá, no litoral catarinense, a 253 km ao norte de Florianópolis, no dia 22 e recebida pela Justiça na última quarta-feira (24/3).

A ação relata que o réu, fazendo uso da autoridade de professor, praticou atos libidinosos, por diversas vezes, contra as vítimas, que tinham entre 10 e 12 anos na época dos fatos.

O promotor de Justiça Luan de Moraes Melo explica que o homem teria atuado de forma a criar uma relação incompatível com o que se espera da regular convivência entre professor e aluno. Com isso, o professor teria envolvido as vítimas para facilitar a prática das supostas condutas delituosas.

Antes do oferecimento da denúncia, no dia 11 de março, o réu foi preso preventivamente, a pedido do Ministério Público. A ação ainda não foi julgada pelo Poder Judiciário.

Últimas notícias