PF prende empresário que fraudou empréstimos da Caixa Econômica

Um empresário é acusado de obter empréstimos para a compra de materiais, mas sem repassar o valor à empresa e ao banco, mas sim a terceiros

atualizado 20/08/2020 13:59

Banco faz ações para oferecer aos clientes alternativas para enfrentar a crise causada pelo novo coronavírusRaimundo Sampaio/Esp. Metrópoles

A Polícia Federal (PF) cumpriu quatro mandados de busca e apreensão, nesta quinta-feira (20/08), em investigação que apura fraudes contra a Caixa Econômica Federal.

Durante processo de apuração, foi descoberto que um empresário de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, armou contra o banco ao conseguir empréstimos para a compra de equipamentos industriais que seriam utilizados para a fabricação de blocos de concreto, usados na construção civil.

Com a aprovação do recurso, o estelionatário recebeu o valor de R$265 mil reais depositado na sua conta, além de ter adquirido o equipamento. Porém, ele transferiu parte da quantia a contas de terceiros e não pagou a empresa fornecedora.

Ainda, ele pediu outro empréstimo, no valor de R$163 mil, para quitar a dívida, mas sem realizar o pagamento à fabricante

A Caixa Econômica Federal, posteriormente, realizou o pagamento da máquina. No cumprimento das buscas desta manhã foram apreendidos um caminhão e um veículo no nome do empresário.

O acusado responde ao inquérito policial e poderá ser indiciado por estelionato, caso comprovados os crimes.

0

Últimas notícias