Michelle fala sobre retorno de cãozinho aos donos: “Felicidade e lágrimas”

O cachorro Augusto Bolsonaro se chama, na verdade, Zeus e ele teria se perdido após sair atrás de outra cachorrinha

atualizado 30/06/2020 19:37

Cão que foi adotado por Bolsonaro volta para os donosDivulgação

A história do cãozinho batizado como Augusto Bolsonaro ganhou mais um capítulo. A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, veio a público nesta terça-feira (30/06) para explicar a curta estadia, de 12 dias, do animal no Palácio da Alvorada. O bichinho já foi devolvido aos verdadeiros donos.

Em “stories” publicado no Instagram, Michelle afirma que o cachorro apareceu no Palácio do Planalto e foi logo cuidado por um funcionário chamado Douglas.

Veja imagens:

“Ele levou para casa, mas fez campanha nas redes sociais, pois o animal não tinha perfil de cachorro de rua”. Afirmou a primeira-dama, que também comentou sobre a volta do animal para os seus donos: “A gente tinha a ciência que ele tinha uma família, mas estava solto”.

Michelle conta que Douglas não tinha condições de ficar com o cachorro, então a família Bolsonaro se prontificou. “Ele [o cão] dormia todos os dias no quarto da Letícia [filha de MIchelle]. Ela fez um Instagram, também para divulgar”. O Augusto já tem mais de cinco mil seguidores no Instagram.

Augusto Bolsonaro na verdade se chama Zeus e seu dono é Nagib. Sobre o reencontro, a primeira-dama afirmou: “Foi um momento de muita alegria mas também de lágrimas. Ele foi um amigão”. Na ocasião, o dono até falou em guarda compartilhada. “Claro que não, o cachorro é dele”, afirmou Michelle sobre a proposta.

O cachorro é de raça de origem italiana e estava com uma coleira no momento do resgate. Antes de se tornar membro oficial da família Bolsonaro, ele ficou um dia em um lar temporário, aguardando os donos. Anúncios nas redes foram colocados procurando a verdadeira família, mas, como ninguém se manifestou, Michelle o adotou como “segundo filho” com Bolsonaro.

O cachorrinho teria se perdido após sair atrás de outra cachorrinha.”Eu ficaria muito feliz se tivesse perdido um cãozinho e o dono me localizasse”, ressaltou a primeira-dama.

0

Últimas notícias