Milhares de manifestantes tomam Av. Paulista em ato contra Bolsonaro

Concentração teve início por volta das 16h, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), e logo a multidão tomou a avenida

atualizado 29/05/2021 19:57

Manifestantes tomam Avenida Paulista em ato contra BolsonaroReprodução

São Paulo recebeu, neste sábado (25/5), milhares de manifestantes contrários ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Na capital, a concentração começou por volta das 16h, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista. Em menos de duas horas milhares tomavam

O ato foi organizado por movimentos políticos, sindicais e estudantis. Com cartazes e placas, os participantes pediam o impeachment de Jair Bolsonaro. Outras solicitações eram o avanço da vacinação contra Covid-19 e a defesa da educação.

O grupo também teceu críticas ao ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello. Com os dizeres “Pazuello, o Renan vai te pegar”, um dos cartazes fazia menção ao relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado Federal, Renan Calheiros (MDB-AL). A comissão busca apurar se houve omissão do governo federal durante a crise da Covid-19.

No fim da tarde, a cena impressionava, com manifestantes espalhados por muitos quarteirões. Veja um dos vídeos postados nas redes sociais por internautas:

Veja imagens da manifestação contra o governo em São Paulo: 

0

São Paulo não foi a única cidade do Brasil que recebeu protestos contra o governo neste sábado. Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Goiânia e Salvador foram algumas das capitais em que manifestantes marcaram presença nas ruas. Aproximadamente 100 cidades brasileiras e nove países ao redor do mundo têm atos previstos.

Nas imagens da manifestação em São Paulo, é possível ver um grande número de pessoas utilizando máscaras de proteção facial. No entanto, o distanciamento social não foi respeitado.

Últimas notícias