Mãe de Bolsonaro morre aos 94 anos; presidente retorna do Suriname

Dona Olinda estava internada no Hospital São João em Registro, no interior de São Paulo, desde segunda-feira (17/1)

atualizado 21/01/2022 19:06

Dona Olinda e o filho Jair BolsonaroReprodução/Instagram

Morreu na madrugada desta sexta-feira (21/1) a mãe do presidente Jair Bolsonaro (PL), Dona Olinda Bolsonaro, aos 94 anos. Ela estava internada no Hospital São João em Registro, no interior de São Paulo. A notícia da morte foi dada pelo próprio presidente em uma rede social:

“Com pesar o passamento da minha querida mãe. Que Deus a acolha em sua infinita bondade. Nesse momento, me preparo para retornar ao Brasil”, disse o presidente.

Na mesma publicação, Bolsonaro fez uma homenagem com um vídeo de fotos da mãe ao lado da família.

Bolsonaro viajou ao Suriname nessa quinta-feira (20/1) . Nesta sexta (21/1), ele deveria seguir para Georgetown, na Guiana, país vizinho, mas informou nesta madrugada que está retornando ao Brasil, após a morte da mãe.

0

Dona Olinda deu entrada na unidade de saúde de Registro na última segunda-feira (17/1). Ela estava internada na ala de apartamentos particulares. A mãe de Bolsonaro morava em Eldorado, cidade que fica a aproximadamente 52 quilômetros de Registro.

Por meio de nota, a Secretaria de Comunicação da Presidência lamentou a morte de Dona Olinda. “A Secretaria Especial de Comunicação Social une-se a toda a equipe de governo e aos brasileiros em condolências e orações pelo falecimento da senhora Olinda Bonturi Bolsonaro, mãe do presidente Jair Bolsonaro. Que Nosso Senhor acolha a alma de Dona Olinda e ampare o senhor Presidente da República e demais familiares”.

 

Mais lidas
Últimas notícias