Toffoli é internado com pneumonite alérgica e testa negativo para Covid-19

Segundo a assessoria, o presidente do STF não tirou licença médica e seguirá trabalhando, mesmo internado

atualizado 09/08/2020 19:52

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, foi internado neste domingo (9/8) no Hospital DF-Star, em Brasília. Ele foi diagnosticado com uma pneumonite alérgica.

De acordo com a assessoria do STF, ele testou negativo para Covid-19. Embora esteja internado, passa bem e, a princípio, não ficará de licença médica. Segundo a assessoria, ele continuará despachando.

A expectativa é de que o ministro seja liberado entre a noite desse domingo ou mesmo nesta segunda-feira (10/8).

No sábado (8/8), Tofolli decretou três dias de luto pelos mais de 100 mil mortos pela pandemia do coronavírus. Com isso, nesta segunda, não há atividade na Corte. Na terça-feira 11/8) também não há trabalho devido ao feriado do Judiciário, marcando a criação dos cursos de Direito no Brasil. A Corte volta aos trabalhos somente na quarta-feira (12/8) e a previsão é de que haverá sessão plenária.

Essa é a terceira vez que o ministro é internado em dois meses. Em meados de julho ele precisou ser hospitalizado às pressas com um ferimento na cabeça. O magistrado sofreu uma queda dentro de casa, São Paulo (SP). O ministro do STF fez alguns exames, incluindo um raio-X do crânio. No fim de maio, Toffoli passou oito dias internado em Brasília (DF). Ele precisou ir ao hospital realizar um pequeno procedimento cirúrgico de urgência. Já na unidade de saúde, teve falta de ar, um quadro indicativo de pneumonia. Também, na época, ministro testou negativo para o novo coronavírus.

0

Últimas notícias