Barroso abre campanha eleitoral de 2020 e alerta candidatos sobre fake news

Cerca de 148 milhões de brasileiros estão aptos a votar nas eleições para prefeito e vereadores em mais de 5.500 municípios

atualizado 26/09/2020 21:22

Presidente do TSE, Luís Roberto BarrosoReprodução

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, também ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), declarou oficialmente aberta a campanha eleitoral de 2020 neste sábado (26/9), durante pronunciamento feito em cadeia nacional de rádio e TV. A campanha já começa neste domingo (27/9) e o primeiro turno será no dia 15 de novembro.

Na sua curta fala, o magistrado alertou candidatos e eleitores sobre os protocolos de segurança que devem permanecer enquanto durar a pandemia da Covid-19. Infornou que o Tribunal consultou especialistas da área de saúde e elencou alguns cuidados que o candidato deve ter durante a fase de campanha. “Com esses cuidados, fica minimizado o risco de contanminação”, observou.

Porém, ele destacou que há “outro vírus que ronda as eleições” e que pode comprometer a democracia: as notícias falsas. “Um causa que precise de mentiras, de ódio ou agressões não pode ser boa”, disse. E pediu um debate público de qualidade.

Barroso ressaltou que 148 milhões de brasileiros estão aptos a votar nas eleições para prefeito e vereadores em mais de 5.500 municípios.

0

E ao destacar que o Brasil é a quarta maior democracia do mundo, o ministro disse: “Na democracia somos todos livres e iguais. Ou, pelo menos, devemos lutar para que seja assim. Não abra mão da sua chance de fazer a diferença”.

Veja aqui o pronunciamento do ministro na íntegra:

Últimas notícias