Jovem morre de complicações da Covid após perder o pai para a doença

A estudante Anny Celly de Oliveira teve graves sequelas no pulmão e não resistiu. Em 2020, o pai dela também faleceu por Covid

atualizado 08/06/2022 15:40

Pai e filha vítimas da CovidReprodução/Instagram

A universitária Anny Celly de Oliveira, de 25 anos, faleceu por complicações da Covid-19, em Natal (RN). Em dezembro de 2020, a jovem tinha perdido o pai, o sargento da Polícia Militar Neriwelton Alexandre, 45, também vítima da doença.

A informação foi confirmada pela família da estudante de fisioterapia. “Hoje você foi ao encontro do seu pai. Que Deus lhe receba em luz, meu amor”, escreveu o tio Nildembergh de Oliveira, em uma rede social.

Anny morava em Natal com a avó e testou positivo para a Covid cerca de um mês antes de falecer. Ela chegou a ir ao hospital, foi medicada e voltou para casa, mas depois de alguns dias, os sintomas se agravaram e ela retornou ao hospital.

A jovem ficou 29 dias internada no Hospital Antônio Prudente, dos quais 15, intubada. De acordo com a família, Anny estava curada da doença, mas teve graves sequelas no pulmão. Ela morreu na madrugada dessa terça-feira (7/6).

O velório da estudante será na casa da avó, em Caicó, e o sepultamento no cemitério Campo Jorge, às 17h desta quarta-feira (8/6).

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias