Jovem é preso por matar homem a golpes de facão após briga por celular

Segundo a PCGO, briga foi após festa em Anápolis, em novembro de 2020; agressões foram em via pública e flagradas por câmeras de segurança

atualizado 26/04/2021 16:50

goias preso jovem que matou colega a facadas durante festaReprodução/PCGO

Goiânia – O sumiço de um telefone celular motivou uma discussão e briga que terminou com a morte de Denis Bernardes dos Santos, de 31 anos. O autor, um jovem de 21 anos, teria usado um facão e se aproveitado da embriaguez da vítima para agredi-la.

Nesta segunda-feira (26/4), a Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Anápolis, localizou e prendeu o autor do crime no distrito de Goialândia.

O crime ocorreu em 22 de novembro de 2020, em via pública, na Avenida Reinaldo Silva, Setor Paraíso, Anápolis. O crime foi flagrado por câmeras de vigilância de residências vizinhas.

Veja vídeo:

Segundo a polícia, o jovem confessou o homicídio. Contra ele, também foram encontradas passagens criminais por roubo. Ele está preso e à disposição da Justiça.

Confusão

De acordo com o delegado titular da GIH de Anápolis, Wlisses Valentim, as investigações apontam que durante uma festa, autor e vítima discutiram após o sumiço do aparelho celular.

Com isso, houve uma briga generalizada no local e, aproveitando-se da condição de embriaguez de Denis, que estava caído no solo, o autor se armou com um facão e desferiu vários golpes. O homem foi a óbito no local.

“O autor não dá chance de defesa à vítima que estava embriagada e caída no chão, para golpeá-la inúmeras vezes com o facão, levando-a a óbito antes mesmo da chegada do socorro”, afirma o delegado.

Últimas notícias