Hospital de SP:não vacinados e sem 2ª ou 3ª dose são 76% de internados

De 50 pacientes internados no hospital público Emílio Ribas, em São Paulo, 38 deles optaram por não tomar vacina ou estão sem 2ª ou 3ª dose

atualizado 15/01/2022 17:17

UTI Emilio Ribas São PauloAndre Lucas/Getty Images

São Paulo – Um sinal da efetividade da vacina contra a Covid pode ser constatado no Hospital Emílio Ribas, em São Paulo.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo, 76% dos internados por Covid na unidade se destacam por não ter a vacinação completa contra o coronavírus. Para pacientes que já poderiam ter tomado a 3ª dose, de reforço, a pasta considerou que eles também não tinham a vacinação completa.

No momento, dos 50 pacientes internados em leitos da enfermaria do Emílio Ribas ou da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 38 deles não se vacinaram ou não completaram a imunização recomendada com duas doses ou três doses.

“A Secretaria de Estado da Saúde reforça sobre a importância dos faltosos retornarem aos postos para tomar a segunda dose, completando o esquema vacinal. Também é fundamental que após quatro meses de intervalo das duas doses ou dose única, o público tome a dose de reforço”, afirmou a secretária, em nota.

Mais lidas
Últimas notícias