Flordelis: filho mais velho confessa ter mandado matar pastor

Na mesma ocasião, também participou da acareação Lucas dos Santos, de 18, irmão do réu confesso e suspeito de participação no crime

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 21/06/2019 7:24

Em uma acareação realizada na Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI), envolvendo dois filhos do casal formado pela deputada federal Flordelis (PSD-RJ) e o pastor assassinado Anderson do Carmo, o primogênito confessou ter mandado matar o pai.

Flávio dos Santos Rodrigues, de 38 anos, confessou a ordem para que matadores executassem o pai. Na mesma ocasião, também participou da acareação Lucas dos Santos, de 18, irmão do réu confesso.

Nesta quinta-feira (20/06/2019), a Justiça do Rio de Janeiro expediu mandados de prisão temporária para os dois filhos da deputada.

Os agentes ainda seguem investigando, já que há pontos contraditórios no depoimento de Flávio, mas o caso, na avaliação das autoridades, está perto de ser concluído.

Uma das motivações que estão sendo investigadas para o crime seria uma briga por dinheiro, que é diferente da versão de crime passional, surgida depois. Fontes alegaram ao Dia que Anderson era controlador em relação ao patrimônio da família.

Últimas notícias