Exército abre inquérito para investigar a morte de sargento no Rio

Sargento passou mal dois dias antes enquanto fazia teste de aptidão física em curso de especilização na Vila Militar

Arquivo PessoalArquivo Pessoal

atualizado 20/01/2019 17:09

Um Inquérito Policial Militar (IPM) instaurado pelo Exército vai apurar as circunstâncias da morte, neste sábado (19/1), no Rio, do 3º sargento Gabriel Trettel Telles. Dois dias antes, ele fazia exercícios de aptidão física, etapa para ingresso em um curso de especialização, quando passou mal. As informações são do Uol.

Exército divulgou comunicado sobre a morte de Telles. “Faleceu em decorrência de complicações causadas por provável exaustão térmica”, diz a nota.

Quando se sentiu mal, o sargento encontrava-se nas dependências da Vila Militar, na Zona Norte do Rio. Levado ao Hospital Geral da Vila Militar e ao Hospital Central do Exército, o militar passou por “todos os protocolos para sustentar a vida”, segundo o comunicado, mas não resistiu.

Em Brasília, caso semelhante se deu na quinta-feira (17/1) no Grupamento de Fuzileiros Navais. Nesse dia, o soldado Miquéias Gabriel Ferreira morreu depois de se queixar da rotina extenuante do quartel. Em nota, a Marinha afirmou que “não foi encontrada relação entre a causa da morte e as atividades realizadas pelo militar em serviço”.

 

Últimas notícias