Esposa relata brigas com MC Kevin pouco antes da queda: “Otário”

Deolane relatou à polícia que queria voltar para SP, mas ele alugou mais quartos, estava agitado e não queria ser "tratado como filho"

atualizado 19/05/2021 14:43

Velorio de MC KevinFábio Vieira/Metrópoles

Rio de Janeiro – As últimas horas da advogada Deolane Bezerra com o marido, Kevin Nascimento Bueno, o MC Kevin, de 23 anos, antes da queda do apartamento 502, no domingo (16/5), foram de preocupação, brigas por causa de amigos e angústia. Em depoimento à 16ª DP (Barra da Tijuca), zona oeste, ao qual o Metrópoles teve acesso, ela revelou que queria ter voltado ao meio-dia de domingo para São Paulo, mas ele alugou mais quartos, entre eles para o amigo MC Dena, e decidiu ir à praia. Ele teria reclamado de ser tratado como “filho” pela esposa.

Deolane chegou a vê-lo no Hospital Miguel Couto, no Leblon, zona sul, mas ele passava muito mal, teve três paradas cardiorrespiratórias e morreu.

Por conversas de WhatsApp, ela reclamou da quantidade de quartos que MC Kevin estava alugando. “Jader [segurança do cantor] era o único que estava  preocupado e queria o bem dele”, afirmou, chegando a mandar um áudio chamando-o de “otário” por ter que pagar mais R$ 500 de estadia para MC Dena, que não foi embora no horário e dia previstos.

O funkeiro ficou na recepção, e ela desceu do quarto no 13ª andar para entregar a ele R$ 500. Chateada, Deolane voltou para o apartamento, enquanto o cantor decidiu ir à praia, onde conheceu Bianca, bebeu e fumou maconha.

Da praia, MC Kevin ainda ligou para a mulher, mas ela o bloqueou e foi dormir, contou Deolane no depoimento. O artista ainda mandou mensagens para Thainá, uma amiga do casal, que estava com a mulher. “Kevin mandou diversas mensagens do celular de Thainá, inclusive reclamando que a declarante o tratava como filho; que essas mensagens não foram vistas na hora, porque a (…) estava dormindo”, segue o depoimento.

“MC VK (Victor Elias Fontenele) foi até o hotel com uma mulher chamada Bianca, e Kevin resolveu ir também; que após supostamente alguém ter batido na porta do quarto de VK, Kevin se assustou, achando que era a declarante e pulou para a sacada do andar de baixo, acarretando na trágica queda”, registra o termo da oitiva da esposa. Ela entregou à polícia prints com as últimas conversas que teve com o marido.

Segundo o relato de Deolane, ela e MC Kevin saíram de São Paulo de carro às 6h de sábado (15/5). Chegaram ao hotel na Barra da Tijuca por volta do meio-dia. Ele fez um show em um estabelecimento – que não tinha autorização – na zona norte. Ingeriu bebida e MDMA (droga sintética). De volta ao hotel, às 6h de domingo (16/5), decidiu ir para a casa de MC PK, também na Barra, onde ficou até o meio-dia. Agitado ao reencontrar Deolane, decidiu alugar mais quartos no hotel e ir à praia.

Leia a íntegra do depoimento de Deolane Bezerra 

Termo Deolane by Metropoles on Scribd

 

0

Mais lidas
Últimas notícias