Entregador é vítima de racismo: “Esse preto não vai entrar no meu prédio”

Proprietário de hamburgueria em Goiânia vai registrar boletim de ocorrência. "Agora é encontrar forças e tentar superar", diz o trabalhador

atualizado 27/10/2020 15:17

Mensagens recebidas por dona de hamburgueria mostram texto racista contra entregadorRedes sociais/Reprodução

O entregador de uma hamburgueria localizada no Setor Goiânia 2, foi vítima de racismo por parte de uma cliente no último domingo (25/10). Quando foi fazer uma entrega em um condomínio de luxo da capital, Elson Oliveira Santos, 39 anos, foi surpreendido quando a pessoa se recusou a ser atendida por ele.

O cliente que fez o pedido chegou a enviar mensagens para a hamburgueria. “Esse preto não vai entrar no meu condomínio”, “Mandar outro motoboy que seja branco“, “Eu não vou permitir esse macaco“, lê-se nos textos. “Não toleramos racismo“, foi a resposta do estabelecimento. Os prints foram publicados no Twitter pela gerente do local.

Confira a matéria completa no Mais Goiás, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias