Dois são presos com novo medicamento conhecido como “droga do estupro”

Pelo efeito de relaxamento profundo da musculatura, o entorpecente é usado em alguns crimes de abuso sexual

atualizado 26/09/2020 12:31

Divulgação/PC

Dois homens foram presos pela Polícia Civil em Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, transportando 300 frascos de quetamina, um anestésico usado por veterinários, que é utilizado para preparação da droga sintética popularmente conhecida como “special k”.

Pelo efeito de relaxamento profundo da musculatura, o entorpecente é usado em alguns casos de estupro. A ação aconteceu na quinta-feira (24).

Leia mais no portal Banda B, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias