Covid-19: asilo de Itabira confirma contaminação de metade dos idosos

Cinco funcionários também testaram positivo e foram afastados. Outros dois trabalhadores do local foram afastados por apresentar os sintomas

atualizado 18/01/2021 21:08

A Instituição de Longa Permanência Lar de Ozanam, em Itabira, na região central de Minas Gerais, confirmou que metade dos idosos testou positivo para Covid-19. Ao todo, 25 moradores do local foram contaminados. As informações são do G1.

O local afirmou ainda que os familiares de todos os que testaram positivo foram comunicados. Além dos idosos, cinco funcionários contraíram a Covid-19. Outros dois funcionários foram afastados por apresentar os sintomas da doença.

Em nota, a instituição informou: “Apesar de todos os esforços implantados de acordo com o plano de enfrentamento à Covid-19, iniciado em março de 2020, seguindo todos os protocolos sanitários para prevenção, vivemos a seguinte realidade: até o momento estamos com 25 idosos positivos para Covid-19. Todos medicados, monitorados e isolados de acordo com o protocolo”.

A Lar de Ozanam é responsável, atualmente, pela moradia de 50 idosos e conta com 51 funcionários, que se revezam no atendimento. “Todas as visitas e atividades em geral, como missas e de lazer, estão suspensas desde março do ano passado”, reforçou a instituição.

0

Últimas notícias