Cotada para cargo na Saúde já participa de reunião com atual titular

Ministério da Saúde terá três novos secretários nesta quarta-feira (16/2). Mudança ocorre após saída de Mayra Pinheiro, a Capitã Cloroquina

atualizado 15/02/2022 19:40

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O Ministério da Saúde passará por reorganizações nas principais cadeiras da pasta. Três secretarias terão novos titulares: Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde (SCTIE) e Secretaria de Atenção Especializada à Saúde (SAES).

Maíra Batista Botelho, atual diretora do Departamento de Atenção Especializada e Temática (DAET), e cotada para uma das vagas, participou de agendas junto ao médico Sérgio Yoshimasa Okane, secretário de Atenção Especializada à Saúde (SAES), que deixará o cargo.

Em dois encontros previstos na agenda do secretário-executivo Rodrigo Cruz, Maíra e Sérgio participam como representantes da SAES. Na reunião executiva tripartite, feita semanalmente junto ao Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Maíra também participou, pela primeira vez, neste mês.

A dança das cadeiras nas secretarias do Ministério da Saúde será oficializada nesta quarta-feira (16/2), no Diário Oficial da União (DOU). As indicações já foram enviadas para a Casa Civil, responsável pela publicação. Integrantes da pasta explicaram ao Metrópoles que o ministro Marcelo Queiroga pretendia promover uma reestruturação, que começou após a saída de Mayra Pinheiro, a Capitã Cloroquina, que estava à frente da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES).

Entenda quem assume cada cargo

Hélio Angotti Neto assume o lugar de Mayra na SGTES. O secretário está no centro de recentes polêmicas envolvendo orientações para o tratamento da Covid-19 no SUS. Ele negou relatório produzido pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec) que não recomenda a utilização do kit Covid para o tratamento da doença. Na última sexta, Hélio negou também o recurso apresentado pelos pesquisadores. O documento agora será analisado pelo ministro.

A Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde (SCTIE), antes presidida por Angotti, agora será coordenada por Sandra de Castro Barros, atual diretora do Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos, parte da SCTIE.

O secretário Sérgio Okane, da SAES, deixará o quadro do ministério por entender que já cumpriu seu papel no combate à pandemia. Nome de confiança de Queiroga, Okane deve retornar para o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). No seu lugar, assume Maíra Batista Botelho, da DAET.

Mais lidas
Últimas notícias