Chuva em Minas Gerais deixa duas vítimas soterradas

O Corpo de Bombeiros ainda procura mais quatro corpos embaixo dos escombros

atualizado 21/02/2021 18:10

Corpo de Bombeiros de Minas Gerais/Divulgação

Em decorrência de um desmoronamento provocado pelo alto volume de chuvas em Santa Maria de Itabira (MG), duas pessoas morreram soterradas neste domingo (21/2). As vítimas ainda não foram identificadas, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

O aumento da chuva na região causou derrubamento de árvores, enchentes e diversos desabamentos no município. Muitas casas também estão debaixo d’água devido ao transbordamento do Rio Girau. As estradas estão interditadas em Santa Maria.

O Corpo de bombeiros conseguiu resgatar uma vítima. Ao todo, estima-se que tenham ainda mais quatro pessoas embaixo dos escombros. Os bombeiros também estão preparados para socorrer famílias ilhadas.

Veja o socorro de bombeiros da região a famílias ilhadas: 

O governador de Minas Gerais (MG), Romeu Zema, declarou em sua conta no Twitter que está acompanhando a situação.

“Estou em contato diário com os @Bombeiros_MG e @defesacivil_mg, acompanhando a situação nos municípios afetados pelas fortes chuvas. Em Santa Maria de Itabira, onde houve um desabamento na manhã de hoje, helicópteros do estado foram deslocados para ajudar nos trabalhos de resgate”, afirmou. Ele também informou sobre doação de donativos às vítimas.

Veja:

Acre

Outro municípios no país também estão sofrendo com as cheias. O Acre, por exemplo, chegou a decretar na última semana estado de calamidade pública e corre o risco de desabastecimento.

O Ministério da Economia confirmou ao governador do Acre, Gladson Cameli (PP), que será liberado um orçamento extra de R$ 450 milhões para as cidades e estados afetados pelas enchentes.

Últimas notícias