Após aumento de casos de Influenza, Recife suspende Carnaval 2022

A capital pernambucana deve realizar evento em torno da folia de Momo em outra data, ainda a ser definida

atualizado 05/01/2022 19:05

frevo recifeReprodução

Diante do crescimento de casos de Influenza A H3N2, a Prefeitura do Recife anunciou, nesta quarta-feira (5/1), a suspensão das programações oficiais para o Carnaval 2022, cujas datas deveriam acontecer entre 25 de fevereiro e 5 de março deste ano. Não há, todavia, a definição sobre a nova data.

Segundo a prefeitura, embora já tenha “mais de 83% de toda a população acima de 12 anos com esquema vacinal completo em relação à Covid-19”, a capital pernambucana “enfrenta um crescimento expressivo de casos de gripe”.

“A despeito de manter os índices estáveis de infecções transmitidas pelo novo coronavírus, o índice de casos diários confirmados para Influenza A H3N2 saltou de oito para 138 casos entre os dias 13 e 29 de dezembro, com picos de até 314 casos em um só dia (27 de dezembro), levando a prefeitura a concentrar todos os esforços em ampliar o acesso a serviços e assistência à população”, informa a prefeitura.

Por causa disso, a prefeitura anunciou diversas medidas – entre elas, o reforço das equipes com mais 162 profissionais para a rede básica de saúde, ampliação de pontos de vacinação, abertura de 40 leitos para pacientes de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa e ampliação dos pontos de testagem para Influenza.

Mais cedo, a Prefeitura de Olinda, cidade vizinha à capital pernambucana, anunciou o cancelamento do Carnaval deste ano na cidade e prometeu auxílio financeiro para quem depende da festa.

Mais lidas
Últimas notícias