Adolescente é apreendido suspeito de dar 18 facadas em motorista

Segundo delegado de Luziânia, familiares do suspeito disseram que ele tinha desejo de "ficar rico" e estava "cansado de andar a pé"

atualizado 16/04/2021 16:35

Reprodução: vídeo/PCGO

Goiânia – Um adolescente de 17 anos foi apreendido, nesta sexta-feira (16/4), por suspeita de ter desferido 18 facadas em um motorista de aplicativo para tentar roubar o carro dele, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal (DF).

Em vídeo encaminhado ao Metrópoles, o delegado de Luziânia, Carlos Alfama, disse que o caso ocorreu em 25 de setembro de 2020, por volta das 11h30, no Jardim Ingá, uma das regiões goianas com alto índice de criminalidade, no Entorno.

Veja vídeo, abaixo:

“O fato ocorreu durante trajeto entre Santa Maria, no DF, e Luziânia, onde o suspeito sacou a faca e desferiu a faca com intenção de roubar o carro. O adolescente tentou fugir com o carro e ateou fogo”, contou o delegado.

Assim como o suspeito, que não teve identidade divulgada, como prevê o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o nome do motorista também não foi informado. Apesar da gravidade dos ferimentos, ele sobreviveu após ficar meses internado.

“Queria ficar rico”

A apreensão ocorreu quase sete meses depois do caso. Segundo a Polícia Civil de Goiás, familiares disseram, em depoimento, que descobriram que o adolescente teria praticado o fato porque “queria fazer dinheiro e ficar rico”.

Além disso, de acordo com informações do depoimento repassadas pela polícia, o adolescente teria dito a familiares que “queria o automóvel para ele, porque estava cansado de andar a pé”

De acordo com o delegado, o adolescente responderá por ato infracional análogo a latrocínio tentado. Por decisão judicial, o suspeito está internado, provisoriamente, por 45 dias, em uma unidade voltada a medidas socioeducativas.

Depois, ele poderá ficar internado até completar os 21 anos, caso receba nova ordem da Justiça com imposição de medida socioeducativa por causa do ato infracional.

Últimas notícias