Entenda como será o enterro do príncipe Philip

Marido da rainha Elizabeth II por mais de sete décadas, o duque de Edimburgo faleceu nesta sexta-feira (9/4), no Reino Unido, aos 99 anos

atualizado 12/04/2021 17:30

WPA Pool/Getty Images

A Inglaterra, a família real e todos os admiradores da realeza britânica ao redor do mundo estão de luto pela morte do príncipe Philip. O companheiro da rainha Elizabeth II por mais de sete décadas faleceu na manhã desta sexta-feira (9/4), no Castelo de Windsor, aos 99 anos. Segundo a imprensa britânica, o velório do duque de Edimburgo será intimista.

Por ter estado ao lado da monarca por tantos anos, Philip tem direito a um velório com toda a pompa e circunstância. Antes de morrer, no entanto, ele teria optado por receber o adeus da família de maneira mais reservada. De acordo com o The Sun, ele terá um velório militar, com cerimônia privada, sem carreata ou despedida do público. O evento, ainda sem data confirmada, também não deverá ser televisionado. Espera-se que o velório aconteça na capela de São Jorge, no Castelo de Windsor, a cerca de 40 km de Londres.

O que já se sabe por definitivo, ainda segundo o tabloide inglês, é que o duque será enterrado nos Jardins de Frogmore, também em Windsor, cidade onde ele e a mulher passaram os últimos dias de quarentena, devido à pandemia de Covid-19. Philip chegou a ser vacinado contra a doença, mas enfrentou outros problemas de saúde nos últimos meses. Ele foi submetido até a uma cirurgia no coração. A causa da morte, no entanto, ainda não foi confirmada.

0

Os planos para o evento de despedida do príncipe receberam o nome de Operation Forth Bridge (Operação Ponte Forth, na tradução do inglês). A ponte foi escolhida para nomear os preparativos por ligar Edimburgo a Fife, fazendo referência ao nome do duque.

Os arranjos do velório, desenhados já há alguns anos pelo próprio príncipe, receberão ajustes por causa da pandemia. É esperado, por exemplo, que os membros da realeza usem máscaras de proteção facial durante todo o evento.

Os preparativos do adeus da rainha Elizabeth II, de 94 anos, também já têm nome: Operation London Bridge (Operação Ponte de Londres, em português). A monarquia costuma nomear grandes acontecimentos como mortes na família para facilitar a execução de tarefas e deixar toda a equipe alinhada com os preparativos.

O período oficial de luto da rainha pela morte do marido, com quem teve quatro filhos, será de oito dias.

Últimas notícias