Coletivo do DF vende máscaras para causa LGBT e faz sucesso entre artistas

Centro LGBTs está vendendo máscaras e arrecadando recursos para ajudar pessoas atingidas pela pandemia do coronavírus

atualizado 19/06/2020 11:01

Mauro de Sousa com máscara de covid-19 com temática LGBTReprodução/Facebook

Que tal se proteger do coronavírus, ajudar pessoas LGBTs afetadas pela pandemia e ainda celebrar o Mês do Orgulho à caráter? O Centro LGBTs de Brasilia está comercializando máscaras de proteção nas cores do arco-íris e da bandeira do orgulho trans on-line, com entrega para todo o Brasil.

As máscaras têm duas camadas de tricoline, forro para barrar gotículas e estão sendo vendidas no Sympla, a partir de R$ 20 a unidade (mais taxa de R$ 2,50) para retirada na 708 Sul, em Brasília. Toda a renda será revertida ao apoio de projetos que visam diminuir os impactos da Covid-19 para pessoas LGBT em situação de vulnerabilidade no Distrito Federal.

O projeto também contempla a venda de kits com até 10 máscaras, combos de bebida e ingressos para serem utilizados na boate Victoria Haus após o fim da pandemia do coronavírus, cotas para pagamento de cursinhos para o Enem e cestas básicas que serão entregues a pessoas carentes.

As máscaras têm feito sucesso pelo país e várias personalidades já estão apoiando a causa. Veja:

0

 

Últimas notícias