*

Mais conhecida como “mãe da Luciana Gimenez”, Vera Gimenez já foi um dos principais símbolos sexuais dos anos 70. E voltou a ser assunto depois que assumiu, em entrevista ao colunista Paulo Sampaio, do site Uol, que foi agredida pelo ex-ator e diretor Jece Valadão quando eram casados.

“Estávamos em um festival de cinema em Santos, e eu só vendo ele de galinhagem. Eu avisei que não estava gostando daquilo, ele não deu importância. Aí, eu fechei o tempo, disse que queria ir para o hotel, tivemos uma discussão violenta. Um escândalo. Ele me deu um soco. Eu disse que da próxima vez jogaria óleo quente na orelha dele. Só não fui embora porque eram 3 da manhã, e eu estava sem carro, não tinha como voltar de Santos”, contou. Jece morreu em novembro de 2006 de insuficiência respiratória.

Segundo Vera, ela também foi vítima de violência no seu primeiro casamento. O empresário João Alberto Morad, pai de Luciana Gimenez, também a agrediu. “Eu vivia há seis meses com o João Alberto quando ele me pegou pelo cabelo e me jogou na parede, com a Luciana no colo. Peguei uma faca pontuda na cozinha e enfiei na perna dele. A mulher que aceita esse tipo de violência uma vez, fica refém do agressor para sempre.”

 



COMENTE

 
atrizLuciana Gimenezvera gimenez