*

Ellen Rocche, que vive Suzy em “O Outro Lado do Paraíso”, tem um passado polêmico e não se importa em revelá-lo. A loira, contracenando atualmente ao lado de Fernanda Montenegro e Lima Duarte, conta que trilhou um caminho difícil até conseguir se encaixar como atriz.

Vinda de família humilde, Ellen afirma que queria ajudar os pais a saírem do aluguel. Ela havia trabalhado em mercado e padaria até que recebeu a proposta de posar nua para um professor de fotografia, ainda na adolescência. Os avós, à princípio, relutaram. Mas, tendo em vista o destino do cachê, valeria a pena.

“Comprei a casa dos meus pais. A casa que a família vive até hoje, mas minha mãe morreu há quatro anos”, disse ao UOL. “Meu avô pegou o chinelo e perguntou o que eu faria com o dinheiro. Eu disse que queria comprar uma casa para os meus pais saírem do aluguel. Ele, então, falou que se eu não fizesse isso, encheria minha bunda de chineladas”. A avó a incentivou, dizendo que a dignidade de Ellen não estava em capa de revista. “Foi tudo pela sobrevivência mesmo. Comecei a fazer foto para conseguir dinheiro. Eu não tinha malícia ou maldade”, afirmou. Os avós da atriz, entretanto, já morreram.

Ellen, que se emociona ao falar sobre o patamar que alcançou nas telinhas, sabia que a beleza não duraria para sempre, por isso se dedicou na dramaturgia. “Eu queria ser médica, mas meu pai ficou desempregado e eu comecei a trabalhar muito cedo. Foi tudo acontecendo”.

Ela emagreceu 12 quilos para interpretar Suzy. Sobre a personagem, casada com Samuel (Eriberto Leão), um homossexual enrustido, a atriz declara que a paixão é cega, e que a médica idealiza o diretor do hospital como um homem “superviril”. “E ele mente bem, afinal, ninguém desconfia”, argumenta.



COMENTE

 
Nudezo outro lado do paraísoEllen Rocche