Dermatologistas explicam como evitar que as tatuagens desbotem com o tempo

As dicas envolvem cuidados com a pele e o que não se pode fazer com os desenhos para que permaneçam com brilho e sem distorções

atualizado 24/12/2020 13:13

tatuagemPexels/Reprodução

Quem escolhe marcar a pele com uma tatuagem pode ter a expectativa de ter o desenho na pele pelo resto da vida, com brilho e sem distorções. No entanto, com o passar do tempo, a tatoo pode se desbotar e ficar menos nítida. De acordo com especialistas, isso é inevitável de acontecer, mas é possível retardar o processo.

A dermatologista Naissan O. Wesley, em entrevista à revista Allure, explicou que o primeiro passo é sempre seguir as instruções dadas pelo tatuador. “Logo depois de fazer a tatuagem, até a cura total, evite qualquer coisa que cause atrito na superfície, como roupas justas”, comentou, citando também atividades físicas, como natação ou lutas.

O dermatologista Edgar Fincher acrescentou que os cuidados são os mesmos que se deve ter com a pele normalmente, sobretudo em caso de algum machucado. “Cuidar de sua tatuagem significa cuidar da pele em que ela vive”, disse, também à revista.

Os principais fatores que podem distorcer uma tatuagem ao longo da vida são a localização, a cor e o tipo de pigmento, a exposição ao sol e o fumo. Mudanças corporais, como aumento ou perda de peso, gravidez e musculação, também afetam a qualidade do desenho.

“Essas rápidas flutuações de volume e massa fazem com que a pele e a tinta subjacente estiquem e relaxem quando a massa volta”, completou Fincher. “Isso leva à distorção ou interrupção da tatuagem”.

0

Os dois elencaram dicas para manter as tatuagens brilhantes e nítidas por mais tempo.

Confira:

Evite exposição excessiva à luz solar

Naissan afirmou que, quanto maior o contato da tatuagem com o sol, mais podem ficar desbotadas, descoloridas e flácidas. “As áreas do corpo que tiveram mais danos cumulativos de luz ultravioleta ao longo da vida de alguém também costumam ter menos colágeno denso e mais pigmentação mosqueada, resultando em pior qualidade da pele em geral, devido ao fotoenvelhecimento”, salientou.

Portanto, sempre utilize protetor solar. “Os danos do sol levam a uma qualidade de pele mais pobre – menos colágeno denso, rugas, pigmentação mosqueada – e também resulta no desbotamento da cor da tatuagem mais rapidamente”, pontuou Naissan.

Mantenha a tatoo hidratada

Seja com cremes ou óleos, é imprescindível manter a tatuagem hidratada. “Ajuda a diminuir as rugas que prejudicam a aparência geral da pele – incluindo uma tatuagem que pode estar lá”, alegou Fincher.

Evite esfoliações

Embora possa ser positiva para a pele em geral, a esfoliação pode ser um agravante na descoloração de tatuagens. Os dermatologistas dizem que o processo retira, junto com células mortas, a pigmentação do desenho.

“Durante os primeiros meses, provavelmente evitaria qualquer coisa que pudesse esfoliar ou renovar as camadas superiores, como esfoliação mecânica”, afirmou Naissan. Depois de três meses, ela dá sinal verde para o uso, desde que não irrite a pele.

Últimas notícias