Taxa de transmissão da Covid-19 volta a subir no Brasil e chega a 1,11

A cada 100 pessoas contaminadas com o novo coronavírus, outras 111 podem ser infectadas, de acordo com estudo do Imperial College London

atualizado 08/07/2020 11:33

Passageiros de máscaraHUGO BARRETO/METRÓPOLES

Um novo levantamento do Imperial College London, publicado nessa terça-feira (7/7), mostra o crescimento da taxa de transmissão da Covid-19 no Brasil, passando de 1,03, na última semana, para 1,11. Isso quer dizer que, para cada 100 pessoas doentes, outras 111 podem ser infectadas pelo novo coronavírus ao entrar em contato com elas.

Os pesquisadores avaliaram a situação de 56 países onde a pandemia está ativa. Eles utilizaram informações disponíveis até o último domingo (5/7).

A chamada taxa R é diferente para cada doença. No caso da Covid-19, ela varia de acordo com as medidas de isolamento social, do uso de máscaras e da adoção de medidas de higiene, por exemplo. Para chegar ao número, são usados dados mais recentes dos casos confirmados e óbitos registrados cruzados com informações de semanas passadas.

Atualmente, o Brasil tem 1.668.589 casos confirmados de Covid-19 e registra 66.741 mortes, segundo o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Últimas notícias