Pfizer pede autorização para uso de vacinas em crianças de 5 a 11 anos

Agência de Medicamentos dos EUA (FDA) avalia a segurança e eficácia do imunizante em pessoas desta faixa etária

atualizado 07/10/2021 10:26

criança sendo vacinadaistock

As parceiras Pfizer e a BioNTech informaram, nesta quinta-feira (7/10), que solicitaram à Food and Drug Administration (FDA), agência de medicamentos dos Estados Unidos, a autorização de uso emergencial da vacina contra Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos do país.

“Com os novos casos em crianças nos EUA continuando em alto nível, este envio é um passo importante em nosso esforço contínuo contra a Covid-19. Estamos empenhados em trabalhar com o FDA com o objetivo final de ajudar a proteger as crianças contra esta grave ameaça à saúde pública”, informou a Pfizer em um comunicado.

O que se sabe sobre a vacinação de adolescentes contra Covid-19

0

Os resultados do estudo sobre a segurança e eficácia do imunizante, realizado com 2.268 crianças dessa faixa etária, foram enviados à agência na última semana. Eles são preliminares e ainda precisam passar pela revisão de outros cientistas.

Os dados sugerem que uma injeção com um terço da dose administrada em pessoas com mais de 12 anos é suficiente para garantir níveis de anticorpos semelhantes aos desenvolvidos por adultos que receberam a dose completa.

Últimas notícias