Pesquisadores descobrem como coronavírus invade células

Informação pode ajudar na fabricação de vacinas contra o vírus, que já matou mais de 2 mil pessoas

atualizado 19/02/2020 20:27

Divulgação/Science

Em uma publicação na edição desta quarta-feira (19/02/2020) da revista Science, cientistas da Universidade do Texas e Institutos Nacionais de Saúde, ambas instituições dos Estados Unidos, afirmaram ter decifrado a estrutura da proteína usada pelo coronavírus para entrar nas células.

A proteína do tipo S (que aparece também no vírus da Sars, por exemplo) sinaliza ao patógeno qual célula é uma boa hospedeira para o coronavírus.

O estudo conseguiu uma imagem em alta resolução da proteína: saber sua estrutura é importante para guiar a ação de uma possível vacina e facilitar o desenvolvimento do medicamento.

“Devido à função indispensável da proteína S, ela representa um alvo para a neutralização mediada por anticorpos, e a caracterização da estrutura forneceria informações em nível atômico para orientar o desenvolvimento de vacinas“, dizem os pesquisadores no estudo.

Também foram encontradas evidências de que o coronavírus se liga às células com mais facilidade do que a Sars e, por isso, é transmitido mais facilmente.

 

Mais lidas
Últimas notícias