Mito ou verdade: chá de erva doce é capaz de controlar a gripe?

Mensagem que está circulando em grupos de WhatsApp afirma que a erva possui composto ativo capaz de conter o vírus influenza

atualizado 12/04/2019 13:18

Kelly Sikkema, Unsplash

Tem circulado em grupos de WhatsApp uma mensagem que afirma que o chá de erva-doce tem a mesma substância ativa que o medicamento Tamiflu. Este é o nome comercial do principal remédio usado para combater os sintomas da gripe H1N1. No entanto, essa informação é falsa e perigosa, afirma o clínico geral Luciano Lourenço.

Coordenador do pronto-socorro do Santa Lúcia Sul, em Brasília, o médico explica que o chá de erva doce não contém nenhuma substância capaz de bloquear o avanço do vírus da gripe. O composto ativo do antiviral Tamiflu é o fosfato de oseltamivir e ele não está presente no chá. “No caso de o paciente pertencer a um grupo de risco, é muito perigoso adiar a ida ao médico porque acredita que está controlando com chá a evolução de uma doença perigosa para o quadro de saúde dele”, alerta o médico.

A gripe é uma infecção do sistema respiratório ocasionada pelo vírus influenza. É considerada mais grave do que os resfriados comuns, com desdobramentos intensos, além de elevado potencial de transmissão. Os sintomas iniciais são febre, em geral acima de 38 °C, dor muscular e de garganta, prostração e tosse seca. A febre dura em torno de três dias.

Os grupos de risco são grávidas, puérperas, crianças de até 6 anos, idosos e pessoas com doenças crônicas.  A campanha nacional de vacinação contra a gripe já começou.

Últimas notícias