Descascar mexerica no trabalho pode aumentar poluição do ar

Partículas seriam inaladas pelos colegas, que podem apresentar dor de cabeça e fadiga

Stephanie Harvey/UnsplashStephanie Harvey/Unsplash

atualizado 08/10/2019 17:48

Além do cheiro forte ser uma afronta às regras de etiqueta, descascar tangerina em um local fechado pode ser prejudicial para a saúde dos colegas. Segundo um estudo da Universidade de Purdue, nos Estados Unidos, desodorantes e spray de cabelos, além das mexericas, também podem poluir o ar com elementos químicos.

A casca das bergamotas (e das laranjas) libera uma substância chamada monoterpeno, que, quando unida ao ozônio presente no ar, pode entrar nos pulmões e ficar depositado lá. O mesmo acontece com as partículas emitidas pelo aerossol dos produtos de beleza. De acordo com os cientistas responsáveis pelo estudo, depois de um longo período de exposição aos contaminantes, as pessoas passam a sentir fadiga, dor de cabeça e irritação.

Por isso, é importante ventilar devidamente os escritórios. “Sabemos que a baixa qualidade do ar em ambientes fechados pode afetar a saúde, o bem-estar e a produtividade dos trabalhadores”, diz Brandon Boor, um dos autores do estudo.

Outros fatores que podem influenciar a situação do ar são os aparelhos de ar-condicionado, as condições do dia fora do escritório – quando entra ar saudável por uma janela ou porta, por exemplo, as partículas em suspensão acabam sendo diluídas. (Com informações do Daily Mail)

Últimas notícias