Criança reclama de bicho no ouvido e médicos encontram besouro

Menino de 4 anos estava com a mãe quando começou a chorar de repente, dizendo que um inseto estava no canal auditivo

Reprodução/Facebook

atualizado 24/01/2020 13:58

A vendedora Karla Cânepa e o filho, Bernardo, 4, passaram por um susto no último sábado (18/01/2020). Os moradores de Mato Grosso do Sul estavam deitados para dormir quando o menino deu um grito, pulou no colo da mãe e a avisou que um bicho tinha entrado no ouvido.

“Na hora, minha reação foi pegar a lanterna do celular e vi que tinha um inseto no ouvido dele”, conta a mãe em entrevista ao UOL. “Eu ainda tentei tirar. Mas, na hora, consegui ter um raciocínio rápido e liguei para o Samu, que me orientou a levá-lo ao pronto-socorro”, diz.

Na UPA mais próxima de casa, os médicos fizeram uma lavagem no ouvido do menino e encontraram um besouro no canal auditivo. “Eu realmente me assustei muito. O médico disse que é perigoso”, lembra a mãe.

Bernardo ficou sob observação em casa por 24h para evitar qualquer tipo de infecção. Como o menino não reclamou de dores, não precisou tomar remédio.

Em entrevista ao UOL, o otorrinolaringologista Andy Vicente conta que, em áreas rurais, é comum que pequenos insetos entrem no canal auditivo. No caso de moscas, que depositam ovos e larvas, o principal sintoma é a dor. Já em casos onde carrapatos estão envolvidos, o risco é maior. Eles podem transmitir várias doenças, como a febre maculosa e a doença de Lyme. A indicação é procurar ajuda médica no momento que surgir dor ou zumbido no ouvido.

Últimas notícias