metropoles.com

Banheiro público? Aerossóis contaminados podem ficar no ar, diz estudo

Partículas suspensas podem carregar não só o coronavírus, mas também outros patógenos responsáveis por doenças e infecções

atualizado

Compartilhar notícia

Vinícius Santa Rosa/Especial para o Metrópoles
banheiro público
1 de 1 banheiro público - Foto: Vinícius Santa Rosa/Especial para o Metrópoles

De acordo com uma pesquisa feita pela Universidade Florida Atlantic, nos Estados Unidos, e publicada na revista científica Physics of Fluids, banheiros públicos podem ser pontos de grande contaminação pelo coronavírus e outras doenças.

Os cientistas demonstraram que, ao dar descarga, uma grande quantidade de aerossóis contaminados pode ser gerado — a cada descarga, os níveis de partículas no ar aumentam aos milhares.

“O vaso sanitário e urinol geraram grandes quantidades de partículas menores que 3 micrometros, causando um risco de transmissão significativo se estiverem contaminadas com micro-organismos infecciosos. Devido ao tamanho, essas partículas podem ficar suspensas por bastante tempo”, diz Siddhartha Verma, responsável pelo estudo.

As primeiras partículas foram detectadas 20 segundos após a descarga, e em diferentes alturas. A descarga com a tampa fechada diminui um pouco a propagação, mas as partículas também escapam e contaminam o ar. A maior preocupação é por patógenos presentes na urina ou nas fezes: além do coronavírus, até o vírus Ebola pode ser transmitido por esse vetor. O banheiro é considerado local de risco por não ser bem ventilado e abrigar muitas pessoas diferentes.

A solução encontrada pelos pesquisadores é que os prédios adequem a ventilação para permitir que as partículas sejam eliminadas do ambiente, evitando contágios.

Saiba como o coronavírus ataca o corpo humano:

0

 

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comSaúde

Você quer ficar por dentro das notícias de saúde mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações