Prefeito polonês promete prêmio para pais que gerarem um menino

Na última década, nenhum garoto nasceu no vilarejo localizado no sul do país. Preocupação é com a divisão do trabalho no futuro

Michalina, UnsplashMichalina, Unsplash

atualizado 03/08/2019 11:51

Depois de quase uma década sem registrar o nascimento de meninos, uma cidade do sul da Polônia está prometendo um prêmio para o primeiro casal que tiver um filho.

O prefeito Rajmun Frischko, pai de duas garotas, afirmou ao TVN24, que os pais do primeiro garoto que nascer no local serão agraciados com uma surpresa agradável.

As autoridades não sabem porque os pais do vilarejo de base agrícola não estão gerando meninas. A cidade tem cerca de 300 habitantes.

A preocupação, de cordo com eles, é com a divisão do trabalho no futuro. De 2010 para cá, nasceram 10 meninas no local. A população da Polônia é majoritariamente feminina. Em 2017, nasceram 207 mil meninos e 196 mil meninas.

(Com informações do The New York Times)

Últimas notícias