Porto Rico entra em alerta com a chegada do furacão Dorian

Escolas foram fechadas mais cedo nesta quarta, servidores públicos foram dispensados e abrigos de emergência foram preparados

ReproduçãoReprodução

atualizado 28/08/2019 18:47

Porto Rico, território não incorporado dos EUA, entrou em alerta com a aproximação do furacão Dorian, que tem previsão de atingir a ilha nesta quarta-feira (28/08/2019). Donald Trump, presidente norte-americano, decretou emergência federal, que autoriza a coordenação nacional de esforços de socorro e assistência.

Dorian adquiriu o status de furacão, em vez de tempestade tropical, na tarde desta quarta, segundo o Centro Nacional de Furacões dos EUA.

A estimativa é que, com o furacão Dorian, os habitantes de Porto Rico poderão sofrer com chuvas torrenciais e inundações, especialmente nas montanhas centrais.

É o primeiro teste para a ilha desde o furacão Maria, em 2017, que devastou o lugar e deixou mais de 4,6 mil mortos. Duas semanas antes, Porto Rico também tinha sido atingido por outro furacão, o Irma.

“Estamos mais bem preparados do que quando o furacão Maria atacou nossa ilha”, declarou a governadora de Porto Rico, Wanda Vázquez, durante uma entrevista coletiva.

Escolas fechadas
Ela afirmou que as preparações para a tempestade estavam mais de 90% concluídas: escolas foram fechadas mais cedo nesta quarta, servidores públicos foram dispensados e abrigos de emergência foram preparados para dezenas de milhares de pessoas.

Vázquez também ordenou um congelamento de preços, para evitar o aumento exagerado no preço de combustível.

Últimas notícias