Venezuela: no Twitter, Guaidó comemora acesso à Assembleia

Forças de segurança fiéis a Nicolás Maduro impediam a entrada do autoproclamado presidente e seus aliados no prédio legislativo

Reprodução/Twitter

atualizado 07/01/2020 17:36

O autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, foi ao Twitter comemorar o acesso que ele e outros deputados que compõem a Assembleia Nacional venezuelana tiveram à sede da instituição nesta terça-feira (07/01/2020).

A entrada dos parlamentares se deu depois de repressão de forças de segurança fiéis a Maduro, que, desde anteontem, impediam Guaidó e políticos simpáticos a ele de entrarem no prédio para participar da votação da nova Mesa Diretora.

Veja:

“Hoje, os deputados da Assembleia Nacional, eleitos pelo voto do povo, derrotamos a vontade de um golpe legislativo orquestrado pela ditadura e seus cúmplices. Aqueles que pretendiam usurpar durante algumas horas a Mesa Diretora da Assembleia fugiram como covardes que são”, tuitou Guaidó, que defende sua reeleição ao cargo de presidente do parlamento. A liderança da Assembleia também é reafirmada pelo ex-aliado da oposição a Maduro, Luís Parra.

Guaidó disse esperar reação do governo de Maduro depois do que chamou de “derrota política” e disse que para enfrentar o presidente venezuelano “é necessário estarmos unidos e mobilizados como hoje”.

Mais de 50 países reconhecem Guaidó como presidente legítimo da Venezuela, incluindo o Brasil.

Últimas notícias