Pai joga filho de 5 anos no mar agitado para “ensiná-lo a nadar”

Ao ser algemado, o homem de 37 anos disse que estava sendo preso "por ser maravilhoso"

atualizado 18/07/2019 12:39

Um homem foi preso em Daytona Beach, Flórida, Estados Unidos, após jogar o filho de 5 anos no mar agitado com a intenção de “ensiná-lo a nadar”. Segundo a polícia, enquanto o menino tentava sair do mar, o pai dava piruetas em um píer próximo ao local. Os oficiais, então, constataram que John Bloodsworth estava bêbado.

Segundo o jornal NY Post, os policiais entraram no mar e retiraram o menino de lá. Ao ser algemado, o homem de 37 anos disse que estava sendo preso “por ser maravilhoso”. Além disso, se justificou dizendo que “não poderia pensar em melhor lugar para ensinar o filho a nadar”. Não havia nenhum salva-vidas na hora do ato e o mar estava agitado.

Jonh Bloodsworth deve responder por abuso infantil resultando em danos físicos e mentais. Segundo a imprensa, ele já foi solto após pagar uma fiança de US$ 1,5 mil.

Últimas notícias