Astronauta tira foto do “olho do furacão” Ian diretamente do espaço

Fenômeno climático devastador deixou rastro de destruição e mortes por Cuba e pelo oeste da Flórida, nos Estados Unidos, nos últimos dias

atualizado 30/09/2022 22:52

Reprodução Twitter Bob Hines

O astronauta Bob Hines, da agência espacial norte-americana (Nasa), registrou do espaço o furacão Ian no momento em que ele passava pelo estado da Flórida, nos Estados Unidos, nessa quarta-feira (28/9).

Bob Hines compartilhou em sua conta do Twitter as imagens do olho do furacão.

Confira:

“Esta tempestade é ENORME! Esse é o rio Mississippi e Nova Orleans à esquerda. Cobre toda a península da Flórida! Nós podíamos ver através do olho quando estava chegando à terra firme. Orando pela segurança de todos que lidam com #HurricaneIan”, escreveu.

As imagens foram capturadas diretamente da Estação Espacial Internacional (ISS).

Furacão Ian

O furacão Ian atingiu o oeste de Cuba nessa terça-feira (27/9) e foi em direção à Flórida onde, até o momento, deixou 21 mortos, dezenas de desabrigados e centenas de desaparecidos. Na última quarta-feira (28/9), Ian foi classificado na categoria quatro e se tornou uma tempestade tropical.

A ISS compõe uma rede de observadores que rastreia as atividades naturais em tempo real diretamente do espaço.

Durante a passagem do furacão pela Flórida, o presidente norte-americano, Joe Biden, afirmou que o Ian é o furacão mais letal da história do estado.

“Os números (…) ainda não são claros, mas recebemos informações que dão conta de uma perda substancial de vidas”, afirmou o líder norte-americano durante uma visita ao escritório da agência federal de combate a desastres naturais em Washington.

Mais lidas
Últimas notícias