Fóssil raro de dinossauro, de 166 milhões de anos, é descoberto na Escócia

O achado ocorreu acidentalmente por pesquisadores que estavam na Ilha de Eigg

atualizado 26/08/2020 17:12

Fóssil de Dinossauro na EscóciaElsa Pancrioli/Museu Nacional da Escócia

Pesquisadores encontraram um fóssil de dinossauro datado de 166 milhões de anos na Ilha de Eigg, na Escócia. A descoberta foi feita pela Dra. Elsa Panciroli de forma acidental. Ela corria ao longo da costa da ilha quando, ao retornar para procurar a equipe, se deparou com uma rocha diferente.

Ao analisar a estrutura do solo, certificou-se de que havia um fóssil de um membro de dinossauro no local. De acordo com o site Aventuras na História, o osso tem pouco mais de meio metro de comprimento. Ele pertencia a um membro posterior de um estegossauro.

0

Para Elsa, a descoberta é rara, já que esta é a primeira vez que se acha um fóssil de dinossauro na região. “Globalmente, os fósseis do Jurássico Médio são raros e até agora os únicos fósseis de dinossauros encontrados na Escócia estavam na Ilha de Skye”, diz.

O achado foi levado a uma equipe de paleontólogos, que revelaram a idade dele. “Esse osso tem 166 milhões de anos e nos fornece evidências de que os estegossauros viviam na Escócia nessa época”, celebra Elsa.

A espécie de dinossauro analisada, um estegossauro, possuía placas triangulares ao longo de sua espinha e tinha uma cauda pontiaguda. O osso encontrado pertence, agora, aos Museus Nacionais da Escócia, localizados em Edimburgo.

Últimas notícias