Ex-padre suspeito de desviar dinheiro para sexo sadomasô é achado morto

Peter Miqueli, de 57 anos, teria desviado US$ 1 milhão de uma paróquia para praticar o chamado "sexo escravo"

atualizado 11/07/2020 14:59

Um ex-padre foi achado morto nessa quinta-feira (9/7) dentro da própria casa, em Nova Jersey, nos Estados Unidos. Ele é suspeito de desviar US$ 1 milhão de uma paróquia para sexo sadomasoquista. As informações são do NY Post.

A polícia local não divulgou detalhes sobre a morte do homem, identificado como Peter Miqueli, de 57 anos. Ele renunciou ao sacerdócio em 2015, em meio a acusações de que teria financiado sessões de sexo com o modelo e ator pornô Keith Crist.

As acusações foram feitas em um processo movido por paroquianos, que também alegaram que o padre era obrigado “a beber a urina de Keith Crist”. Miqueli também teria investido o dinheiro em drogas e em uma casa.

O irmão de Miqueli, Joseph, disse que não conhecia as circunstâncias por trás da morte do ex-padre. “Eu não sei o que aconteceu com meu irmão. Eles nem me dizem onde o encontraram, como o encontraram”, afirmou.

Últimas notícias