metropoles.com

Eleição na Argentina: votação é encerrada, e país aguarda resultado

Massa e Milei disputam a Presidência da Argentina neste domingo, em uma eleição acirrada

atualizado

Compartilhar notícia

Arte/Metrópoles
Montagem dos candidatos Sergio Massa (a esquerda) e Javier Milei (a direita) - Metrópoles
1 de 1 Montagem dos candidatos Sergio Massa (a esquerda) e Javier Milei (a direita) - Metrópoles - Foto: Arte/Metrópoles

O prazo de votação para o segundo turno da eleição presidencial na Argentina se encerrou às 18h deste domingo (19/11). Após o fechamento das urnas, a Justiça Nacional Eleitoral do país iniciou a apuração dos votos. A disputa está entre o governista Sergio Massa, atual ministro da Economia, e o ultraliberal Javier Milei.

Após o encerramento da votação, ambos os candidatos enviaram mensagens aos fiscais eleitorais. “As horas mais desafiantes são as que se aproximam, o kirchnerismo vai usar todas as forças para nos enganar”, escreveu Javier Milei, que tem acusado as eleições de serem fraudadas, apesar de não apresentar nenhum indício nesse sentido.

Em coletiva de imprensa, o secretário general da Presidência, Julio Vitobello, não confirmou o horário da divulgação dos resultados. “Os números serão públicos quando estiverem consolidados e sejam representativos”, disse. Ele também destacou a transparência do sistema, após o processo eleitoral ser atacado por Milei.

Pesquisas de intenção de votos indicavam a possibilidade de empate técnico entre os dois candidatos. A votação se iniciou às 8h, e os argentinos foram às ruas em massa para votar nesta eleição acirrada.

De acordo com dados da Câmara Nacional Eleitoral, até as 18h, 76% dos eleitores haviam votado no segundo turno. No primeiro turno, realizado no dia 22 de outubro, esse percentual foi menor, de 59%. No país, 35 milhões de pessoas estão aptas a votar.

O resultado parcial deve sair por volta das 21 horas; já o oficial só é divulgado 48 horas após o fim do pleito, com a checagem das atas nos locais de votação.

0

No primeiro turno, Massa conquistou 36,7% dos votos válidos, contra 30% de Milei. Ao votar neste domingo, o candidato de ultradireita falou em “campanha suja”. “Estamos satisfeitos. Houve um enorme trabalho diante da campanha de medo e toda a campanha suja que fizeram (a campanha opositora). Agora, que sejam abertas as urnas”, disse.

Massa, por sua vez, apostou em discurso mais otimista. “Hoje é uma nova etapa na Argentina. Essa etapa requer, além de boa vontade, inteligência e capacidade, o diálogo e o consenso necessários para que o nosso país percorra um caminho muito mais virtuoso”, assinalou.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações