Cientistas descobrem nova espécie de dinossauro com mais de 15 metros

Espécie Dzharatitanis viveu na terra há mais de 90 milhões de anos, na Ásia Central, e media o mesmo que um prédio de seis andares

atualizado 25/02/2021 15:30

Nova espécie de dinossauroReprodução/ Twitter

Cientistas da Academia de Ciências da Rússia e do Instituto Smithsoniano dos Estados Unidos identificaram uma nova espécie de dinossauro que, segundo eles, viveu na terra há mais de 90 milhões de anos. Os pesquisadores afirmam que o animal esteve na Ásia Central e media entre 15 e 20 metros de altura, o mesmo que um prédio de seis andares.

Segundo os cientistas, a nova espécie, a primeira de seu tipo encontrada na Ásia, compartilha características de outros dinossauros encontrados no Reino Unido. Isso leva a crer que a espécie seja uma derivação de seus parentes europeus.

O coautor do estudo, Hans-Dieter Sues, explicou que o Dzharatitanis (nome científico do dinossauro) contava com um pescoço longo e fino, uma cabeça relativamente pequena em comparação com o corpo, e uma cauda muito comprida.

Veja:

“Ainda estamos tentando compreender como estes animais eram distribuídos durante o Cretáceo, já que a Europa era basicamente uma série de grandes e pequenas ilhas, enquanto tínhamos esta grande massa de terra que era a Ásia conectada com a América do Norte”, afirmou Hans-Dieter Sues.

Últimas notícias