Avião da Força Aérea do Chile com 38 a bordo desaparece

Aeronave seguia para uma base aérea do país na Antártica, onde seriam realizadas tarefas de revisão de um oleoduto

atualizado 10/12/2019 6:16

Reprodução/Instagram

A Força Aérea do Chile informou, em nota oficial publicada em seu site, que um avião Hércules C130, do Grupo de Aviação Nº 10, desapareceu dos radares no fim da tarde desta segunda-feira (09/12/2019). A aeronave com 38 pessoas – 17 tripulantes e 21 passageiros – viajava à Base Aérea Presidente Eduardo Frei Montalva, na Antártica.

De acordo com as informações oficiais, o avião havia decolado pouco mais de uma hora antes de sumir, da Base Aérea Chabunco, na cidade chilena de Punta Arenas.

Segundo a nota, o avião “cumpre tarefas de apoio logístico”, levando pessoal para “revisão do oleoduto de abastecimento de combustível da base e para realizar tratamento anticorrosivo das instalações”.

Uma equipe multidisciplinar de busca e salvamento foi enviada para a região, com aviões da Força Aérea baseados na região de Magalhães.

Últimas notícias