Em entrevista, vice-governador do DF fala sobre economia e saúde

Em entrevista ao programa Os Cabeças da Notícia, da Rádio Metrópoles 104.1 FM, Paco Britto respondeu ao vivo às perguntas dos ouvintes

Raimundo Sampaio/Esp. MetrópolesRaimundo Sampaio/Esp. Metrópoles

atualizado 13/11/2019 16:20

Nesta quarta-feira (13/11/2019), o vice-governador do Distrito Federal, Paco Britto, concedeu entrevista aos apresentadores do programa Os Cabeças da Notícia, da Rádio Metrópoles 104.1 FM. Na oportunidade, ele comentou os impactos da XI Reunião dos Brics, grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, que ocorre hoje e amanhã (14/11/2019) na capital federal.

Britto chamou a atenção para os aspectos econômicos ligados aos evento. “Queremos girar o comércio e precisamos desses investimentos. Tanto é que o Brics vai abrir uma filial do banco aqui no Distrito Federal. Além disso, a reunião gera renda e empregos para a nossa cidade”. Segundo o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Brasília (Sindhobar), os principais hotéis da capital têm lotação entre 75% e 80% nesta semana.

Com sede em Xangai (China), o Novo Banco de Desenvolvimento do Brics, conhecido como Banco dos Brics, nasceu em 2015, com o objetivo de atender ao problema global da escassez de recursos para o financiamento de projetos de infraestrutura e constituir-se em uma alternativa ao FMI e ao Banco Mundial. Cada um dos cinco países contribuiu com US$ 10 bilhões para formar o capital da instituição financeira.

Na entrevista, o vice-governador também respondeu a perguntas dos ouvintes da Metrópoles FM. Entre elas, os questionamentos sobre a saúde no Distrito Federal. Paco Brito destacou a reformulação das equipes nas UPAs, com a contratação de mais de três mil novos funcionários a fim de melhorar o atendimento. “Não é só culpa do governo, a população também cresceu e precisamos desobstruir os hospitais, otimizar o atendimento lá na ponta”, disse.

A entrevista na íntegra está disponível no Soundcloud do Metrópoles, confira:

Últimas notícias