Rede vai ao STF contra Gilmar Mendes: liberação generalizada de presos

Larissa Rodrigues
11/10/2018 19:09

A Rede Sustentabilidade entrou com ação, na tarde desta quinta-feira (11/10), contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes. O partido protocolou Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF). A legenda pede à Corte que impeça o magistrado de “continuar liberando indiscriminadamente presos em operações de combate à corrupção”.

Ainda de acordo com a Rede, o pedido se deu após o Mendes ter determinado a soltura de condenados, como o ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB), sem ter observado as regras de distribuição processual do órgão. “Além de liberar dezenas de outros presos em investigações de desvios de recursos públicos”, destaca o documento.

{{ noticia.title }}

{{noticia.authors}}
{{noticia.date}}

Sem mais notícias Sem mais notícias