Bolsonaro e PSL têm encontro nesta quarta: dia de aparar arestas

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), encontrou-se nesta terça-feira (11/12) com as bancadas federais do PSD e do Podemos. Os atuais e futuros parlamentares foram ao gabinete de transição governamental, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília, numa espécie de peregrinação de partidos que começou na semana passada. “Reforçamos a nossa independência”, disse o […]

atualizado 11/12/2018 20:17

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), encontrou-se nesta terça-feira (11/12) com as bancadas federais do PSD e do Podemos. Os atuais e futuros parlamentares foram ao gabinete de transição governamental, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília, numa espécie de peregrinação de partidos que começou na semana passada. “Reforçamos a nossa independência”, disse o líder do Podemos na Câmara, Diego Garcia (PR).

Nesta quarta (12), Bolsonaro recebe as bancadas do DEM, Pros e PP. Mas a agenda mais “quente” promete ser a reunião do presidente eleito com seu próprio partido, o PSL. Nas últimas semanas, atritos ganharam destaque por disputas de lideranças internas dentro do ninho político de Bolsonaro: aliados próximos e até um de seus filhos trocaram farpas via WhatsApp.

Mais lidas
Últimas notícias