Após Kataguiri, deputados reeleitos se lançam à presidência da Câmara

Carlos Estênio Brasilino
10/10/2018 23:57

Mal foi definida a nova composição da Câmara Federal e já começou a disputa, que promete ser acirrada, pela presidência da Casa. Se o líder do Movimento Brasil Libre (MBL), o novato Kim Kataguiri (DEM-SP), já reclamou para si o direito de concorrer à sucessão do atual presidente, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o que lhe rendeu o primeiro embate com o próprio partido, outros dois nomes entraram no páreo nesta quarta-feira (10/10): Capitão Augusto (PR-SP) e Delegado Waldir (PSL-GO), deputados reeleitos. Há muito em jogo. Além do prestígio de comandar o plenário, há o controle da pauta de votação. Embora os líderes partidários sejam consultados, cabe ao chefe da Casa Legislativa, em última instância, decidir o que entra ou não na pauta. O cargo também é um posto-chave por ser o segundo na linha de sucessão da Presidência da República. Se o presidente e o vice se ausentarem do país ao mesmo tempo, quem assume interinamente o Palácio do Planalto é o presidente da Câmara.

{{ noticia.title }}

{{noticia.authors}}
{{noticia.date}}

Sem mais notícias Sem mais notícias