*

Vinho, geralmente, aparece no imaginário popular associado a um lugar formal e ao prolongado papo de enólogos. O clichê, no entanto, aos poucos vai se desfazendo. E, para quebrar de vez esse paradigma, três jovens inauguram um contêiner com uma oferta de rótulos tradicionais e diferentões.

Importadora e clube de assinaturas conhecido na cidade, a GB Vinhos firmou parceria com o descolado bar Loca Como Tu Madre (306 Sul) e, há uma semana, opera em esquema de soft opening um charmoso contêiner nos fundos do estabelecimento. Virado para a quadra residencial, o espaço serve apenas a bebida, em taça ou garrafa.

JP Rodrigues/Especial para o Metrópoles

Os três empresários apostam em clima descontraído

 

A iniciativa, parceria dos empresários Guto Jabour, Luiza Melo e Maria Eduarda Mendes, tem 36 rótulos no cardápio fixo e 10 escolhas sazonais, que são trocadas de acordo com as orientações dos sommeliers da GB. “Pincelamos opções de várias regiões do mundo, equilibrando entre clássicos e novidades”, explica Jabour.

No cardápio, 10 vinhos são servidos em taça, sendo cinco fixos e cinco sazonais. O preço varia entre R$ 13 e R$ 30, a depender do rótulo escolhido. Ainda em janeiro, o grupo pretende promover um happy hour (das 18h às 21h) com rodízio da bebida.

 

Na adega, Guto destaca três vinhos: o grego Oenodea (R$ 168), que pode ser encontrado nas versões tinto e branco; o malbec argentino Sol Fa Soul (R$ 82), com muita saída; e o português Esporão Pé tinto (R$ 65).

Nossa ideia é quebrar essa imagem de que o vinho é uma coisa para gente séria, supercaro. Dá para vir aqui, pedir no balcão e aproveitar um ambiente descolado com uma boa bebida"
Luiza Melo

A expectativa dos empresários é comercializar entre 1 mil e 1,5 mil garrafas por mês. “Nosso propósito na GB é aproximar as pessoas do vinho de uma maneira divertida. Temos sommeliers à disposição para conversar com os clientes de uma forma acessível. Somos enocools, o oposto dos enochatos”, brinca Jabour.

A decoração industrial do pequeno espaço – cabem três funcionários ao mesmo tempo – reforça o ambiente inovador. Criatividade, aliás, é o lema dos empresários: eles pretendem, inspirados em locais da Argentina e do Uruguai, criar uma programação musical e já disponibilizaram delivery por meio de aplicativo.

Parceria
Maria Eduarda conta que a união com o Loca surgiu de forma espontânea. O gastropub participava do Clube da Rolha, de restaurantes que não cobram a taxa de rolha (quando o cliente leva o próprio vinho) dos assinantes da GB, e em um encontro tiveram a ideia.

O Loca era um parceiro. Em um dos eventos, veio a ideia e a gente decidiu criar o espaço"
Maria Eduarda Mendes

Na parceria, a GB Vinhos assume toda a comercialização das bebidas no estabelecimento: o Loca abriu mão de vender esse tipo de álcool. “Nossos garçons e os do restaurante interagem. Em breve, vamos propor um menu harmonizado. Nós com o vinho, eles com a comida”, antecipa a empresária.

GB Vinhos
Nos fundos do Loca Como Tu Madre (306 Sul). De terça a sábado, das 18h à 1h